Doutrina

Obras Básicas

Muitas são as obras lançadas atualmente e que se dizem espíritas, mas a maioria está longe de vários conceitos básicos doutrinários. Então como saber se uma obra dita espírita segue a Doutrina Espírita de fato? Só existe um modo: o estudo das obras básicas do Espiritismo.
As Obras Básicas do Espiritismo foram escritas por Allan Kardec entre 1857 e 1868. É interessante que todos as leiam e releiam, não só os iniciantes na Doutrina Espírita, mas também os já adeptos, pois todas as Obras Básicas possuem uma atualidade impressionante e só através delas poderemos identificar um livro espírita de um livro que apenas se diz espírita. Outra dica interessante é que as obras sejam lidas na ordem em que foram publicadas para facilitar a compreensão dos conceitos. Existe também uma obra chamada “O que é o Espiritismo” também de Allan Kardec que pode ser lida antes mesmo de “O Livro dos Espíritos”.

As Obras Básicas são:
O Livro dos Espíritos: Obra essencialmente filosófica, em que se estabelecem os princípios da Doutrina Espírita (1857). Primeira obra do Espiritismo e de leitura obrigatória; Download. Estude O Livro dos Espíritos Aqui.
O Livro dos Médiuns: Versa sobre o caráter experimental e investigativo do espiritismo, visto como ferramenta teórico-metodológica para se compreender uma “nova ordem de fenômenos”, até então jamais considerada pelo conhecimento científico: os fenômenos ditos espíritas ou mediúnicos, que têm como causa a intervenção de espíritos na realidade física (1861). Estude O Livro dos Médiuns Aqui
O Evangelho Segundo o Espiritismo: Obra de cunho essencialmente moral, em que Kardec seleciona os Evangelhos Canônicos da Bíblia como ponto de partida para a inferência de fundamentos morais comuns a todos os “grandes sistemas religiosos”, fundamentos esses cuja consonância com o espiritismo é demonstrada por ele (1864); Download. Estude o Evangelho Segundo o Espiritismos Aqui.
O Céu e o Inferno: Composta de duas partes: na primeira, Kardec realiza um exame crítico da doutrina católica sobre a transcendência, procurando apontar contradições filosóficas e incoerências com o conhecimento científico superáveis, segundo ele, mediante o paradigma espírita da fé raciocinada. Na segunda, constam dezenas de diálogos estabelecidos entre Kardec e diversos espíritos, nos quais estes narram as impressões trazidas da existência transcendente (1865); Estude o livro O Céu e o Inferno Aqui.
A Gênese: Composta de três partes. A primeira parte trata da Gênese, isto é, da formação dos mundos e da criação dos seres animados e inanimados. A segunda parte trata dos milagres; discute sobre o que pode ser considerado milagre, e explica, à luz do Espiritismo os muitos milagres feitos por Jesus. A terceira parte explica como e porque podem haver previsões de coisas futuras, pressentimentos e etc (1868) Estude o livro A Gênese Aqui.
Além das cinco Obras Básicas do Espiritismo existem outras duas complementares e que indico a leitura:
O que é o Espiritismo: De uma maneira didática, conduzindo os temas através de diálogos fictícios, o autor (Allan Kardec) procura introduzir o leitor nos conceitos básicos do Espiritismo. Assim sendo, este pode tomar conhecimento desses de maneira gradual, sem sobressaltos, e em linguagem bem mais acessível. Download. Estude o livro O Que é o Espiritismo Aqui.
Obras Póstumas: Serve como um complemento para a compreensão da Doutrina. São escritos e estudos do codificador, com anotações preciosas sobre os bastidores da fundação do Espiritismo. Tem este nome porque foi publicado após sua morte (desencarne). Estude o livro Obras Póstumas Aqui.
Revista Espírita:  Revista editada por Allan Kardec entre 1858-1869. A Revista possui diversos artigos interessantes em que podemos ver a interpretação espírita em acontecimentos variados. Serviu como base para vários livros básicos do Espiritismo.
OUTRAS OBRAS DE KARDEC
ipsme VIAGENS espiritismo